contexto

Estamos tratando do consumo de energéticos dentro das operações diretas da Suzano. Esse indicador trata apenas do consumo de combustíveis e não de energia elétrica.

Consumo de combustíveis de fontes não renováveis

Consumo de combustíveis de fontes não renováveis¹201920202021

GLP

371.921,13

446.402,25

1.092.385,52

Gás natural

20.943.264,27

20.258.553,43

21.648.153,04

Gasolina

79.864,90

59.317,87

40.571,86

Graxas e Lubrificantes

301.065,52

301.343,39

252.466,91

Metanol fóssil

206.021,23

0,00

0,00

Óleo combustível pesado

2.586.981,12

2.811.666,29

3.380.402,50

Óleo diesel - marítimo

313.820,00

285.606,42

28.395,20

Óleo diesel - rodoviário

3.246.443,87

3.861.967,58

4.514.178,48

Total

28.049.382,05

28.024.857,23

30.956.553,51

Informações complementares

Os dados de consumo de combustíveis – levantados pela Suzano de forma majoritariamente automatizada – foram convertidos em consumo energético a partir da densidade básica e do poder calorífico inferiores de cada combustível. Nesse sentido, quando disponíveis, foram utilizados os dados contidos na própria ficha de especificações técnicas do combustível utilizado. Quando não disponíveis, foram utilizados os valores apresentados pelo Balanço Energético Nacional (MME, 2021).

Em 2021, houve aumento no consumo de energéticos na mesmo ordem do aumento de produção em nossas plantas industriais mesmo com problemas no turbo gerador da Unidade Imperatriz (MA). Em nossas operações logísticas, houve também menor consumo de gasolina a partir da sua substituição por etanol e etanol misturado na gasolina.

Para saber mais sobre a gestão de energia, acesse “Gestão sobre energia".